em Educação & Carreira, RH

4 competências extremamente valorizadas pelo mercado de trabalho

valorizado pelo mercado de trabalho

Muitas pessoas têm como padrão saltar de um trabalho para o outro – na maioria das vezes sendo demitidas – sem se dar conta de o porquê isso acontece.

Em diversos casos esse movimento é causado por simples falta de saber quais sãos as habilidades mais valorizadas pelo mercado, e não se adequar a ele de forma alguma.

Um empregador precisa que todas as pessoas dentro da empresa sejam relativamente previsíveis e produtivas, para que tudo funcione como um time azeitado e pronto para a guerra da competição pelos clientes e resultados.

Para atingir isso existem quatro características que são fundamentais e podem ser o divisor de águas entre você ficar em um emprego ou não.

1 Respeitar as regras e normas pétreas

respeitas as regras da empresa

Sem sombra de dúvidas uma das características mais importantes de todas é o respeito as regras e normas pétreas de cada empresa.

Toda empresa tem um código – as vezes formal e as vezes não – do que pode e não pode fazer. Mas a maior parte desse código é padrão, é aquilo que poderíamos chamar de as regras pétreas – aquelas que assim como na constituição nunca mudam.

Essas regras incluem:

  1. Não se atrasar ou faltar sem justificativa válida.
  2. Não discutir de forma agressiva com colegas e superiores.
  3. Não falar mal da própria empresa para clientes.
  4. Não ser agressivo com clientes ou fornecedores.
  5. Não beber ou usar drogas durante o horário de trabalho.
  6. E algumas outras.

2) Saber trabalhar em equipe

trabalhar em equipe

Uma vez que você não quebre as regras pétreas, a próxima característica desejada é que você saiba trabalhar em equipe.

Mesmo que você não seja um grande orador, não seja o mais rápido ou mais hábil, se você se da bem trabalhando com outras pessoas, tem grandes chances de se manter no seu emprego.

Uma empresa é formada pelo conjunto de pessoas que a compõe, e manter esse conjunto trabalhando junto é importante.

Quando um empregador contrata você para um cargo, o que ele espera é que você entre na empresa para ser parte da equipe. Sendo assim, se você é o novato ou a novata e não consegue trabalhar em conjunto com o time dele, é natural e mais econômico demitir você – a pessoa que não se encaixa – do que demitir toda a equipe dele e começar a procurar alguém com quem você consiga trabalhar.

Portando, se você acabou de começar em um novo emprego ou está procurando um, saiba que trabalhar em equipe é uma das características/habilidades mais importantes e valorizadas pelo mercado de trabalho.

3) Ter boa comunicação

ter boa comunicação

Se você segue as regras mais básicas e sabe trabalhar em equipe, a terceira características ou habilidade mais valorizada pelo mercado de trabalho que você pode ter é uma boa comunicação. Ser um bom comunicador pode facilitar em muito o seu relacionamento com colegas de trabalho, clientes e superiores.

O fato de saber se comunicar bem – tanto de forma verbal quanto escrita – vai lhe ajudar na hora de seguir e estabelecer liderança, na hora de comunicar resultados e tirar dúvidas, na hora de conversar com clientes e fornecedores, e na hora de vender tanto os produtos e serviços da empresa quanto vender você mesmo como um ótimo colaborador.

4) Ser um grande vendedor

saber vender bem

Não importa que para quem você trabalhe. Pode ser uma empresa de bairro, uma empresa de médio porte ou uma multinacional, existe uma competência que é unanimidade entre todos os empregadores: a capacidade de vender.

A competência de venda é extremamente importante, mas apesar de já nascermos negociando e vendendo, nem todo mundo é um bom vendedor no mundo profissional.

a) Você vende a si mesmo

Quando você envia o seu currículo para um possível empregador o que você está fazendo é mandar uma proposta de venda para ele. No seu currículo você descreve seus objetivos, habilidades, experiência, e deixa uma forma de contato para que – caso aceite conversar ou negociar sobre a sua proposta de venda – o selecionador/empregador entre em contato.

b) Toda empresa vende

Não importa qual seja o setor de atuação da empresa que lhe contratar, toda empresa sempre vende alguma coisa para alguém.

Uma empresa de produtos de varejo vende para o consumidor final. Uma empresa que negocia com outras empresas vende para o mercado B2B – Business To Business – ou de empresa para empresa. E mesmo as empresas menos óbvias estão vendendo algo.

Um escritório de direito vende a liberdade ou a condenação em certas causa. Um hospital precisa vender saúde para os pacientes, assim como a prefeitura de uma cidade “vende” para aqueles que elegeram o prefeito e os vereadores – o cidadão.

Se toda empresa vende, é certo que uma vez contratado, você também vai precisar começar vender. E esse é apenas o segundo fato que torna a competência de vendas uma das mais importantes.

c) O seu trabalho é vender a empresa

Você precisou se vender para o seu futuro empregador para ser contratado. Quando você for contratado, você passa a fazer parte de uma empresa que vende – afinal, toda empresa vende.

Mas a sua jornada como vendedor em tempo integral apenas começou. Se você for contratado como vendedor, é óbvio que você vai precisar vender, mas mesmo que o seu cargo seja outro, vender ainda vai ser importante e fundamental para empresa que lhe contratar.

Um programador ou estagiário precisa negociar com o superior dele e tentar vender os prazos e a qualidade que ele pode entregar. A analista precisa, da mesma forma, negociar tanto com o gerente como com o estagiário, e o gerente precisa negociar com muito mais gente.

Um gerente de divisão ou de projetos precisa negociar prazos com clientes, com colaboradores e com o chefe dele. Além de gerenciar um time no qual ele trata com funcionários, superiores, fornecedores e clientes, ele precisa negociar muito para fazer com que tudo isso funcione em conjunto.

No fundo não importa qual seja a empresa na qual você trabalha ou qual é a sua posição hierárquica dentro dela. Tudo se resume a vender algo para alguém o tempo todo. Sendo assim, vender é sem sombra de duvidas uma competência de extrema importância para o mercado de trabalho.

Deixe seu Comentário

Comentário

Webmentions

  • Darwin, Crises e a sua carreira profissional - Ideias & Ação

    […] 4 competências extremamente valorizadas pelo mercado de trabalho […]

  • 10 Coisas para não dizer em uma entrevista de emprego

    […] você – acima de todos os outros candidatos – é a pessoa certa para o emprego. Que você tem as habilidades certas, uma ótima personalidade, e que você realmente pode fazer a coisa […]