em Atendimento ao Cliente, Educação & Carreira, Open Mind, RH

Qual é a sua missão na empresa em que você trabalha? Isso muda tudo

missão na empresa

Em um outro artigo falei sobre o SAC que resolve problema e aquele que tenta limpar a imagem da empresa. Em muitos casos a culpa desse comportamento está diretamente ligada à empresa – que não da liberdade ao seu atendente ou social media para resolver o problema do cliente. Em outros casos a culpa é apenas indiretamente da empresa, pois ela contrata pessoas que tem uma missão muito diferente da que deveriam ter.

Toda empresa tem as suas declarações institucionais: missão, visão e valores. Mas assim como a empresa, os colaboradores também mantém um conjunto de declarações pessoais e que fazem toda a diferença na dedicação e desempenho desse profissional.

A sua missão é o seu motivo

Quando a empresa contrata um profissional ela espera que ele tenha uma missão que combine com a sua missão ou  interesses. O problema é que isso não acontece com frequência.

O motivo pelo qual você entrou para trabalhar na empresa tem tudo a ver com a sua missão. O motivo, ou o que te motivou, é a chave para descobrir o porquê de você se levantar e ir trabalhar todos os dias.

Missões que ajudam a empresa

Existem diversos tipos de motivações ou missões pessoais que um colaborador – ou funcionário – pode ter e que ajuda a empresa. Quando essa missão pessoal está ligada a auto-aperfeiçoamento ou a prestar um bom serviço para o cliente e empresa, isso é benéfico.

Por exemplo, se a sua missão é aprender mais todos os dias, isso pode ser bom para a empresa. Para cumprir a sua missão de aprender você vai precisar se aperfeiçoar e fazer o que faz melhor todos os dias.

Se a sua missão for atender bem o cliente e resolver o problema dele, isso vai ser extremamente benéfico para a empresa. Se você coloca o cliente em primeiro lugar – mesmo que algumas vezes até mesmo a frente da empresa – isso vai contribuir para que a empresa tenha um cliente mais satisfeito e fiel.

Caso a sua missão seja ajudar a empresa a ganhar mais dinheiro todos os dias, isso vai ser de grande ajuda.

Não existe uma missão certa nessas citadas: aprender, colaborar com o cliente ou ajudar a empresa a ganhar dinheiro. Elas podem existir justas ou separadas, mas todas elas seguem na direção do beneficio para a empresa. Algumas empresas vão preferir que a sua missão seja ganhar dinheiro, outras que você atenda e satisfaça o cliente, e em alguns casos que você se preocupe antes de tudo com aprender.

A missão que destrói empresas e carreiras

não trabalhe por dinheiro

Quando você entra em contato com o SAC de uma empresa e o atendente passa uma resposta padrão, ou quando você pergunta se é possível fazer determinada coisa e ele diz que não, isso pode ser culpa ou das políticas da empresa – que não da liberdade ao funcionário para ajudar o cliente – ou da missão pessoal do funcionário – que nesse caso não é nenhuma das já citadas.

Existe um tipo padrão de funcionário – nesse caso nem vou chamar de colaborador – que tem uma missão padrão. Esse tipo é o mais comum na grande maioria das empresas, e é o tipo que jamais vai tentar resolver o problema do cliente.

Missão: ganhar dinheiro fácil

Quando a missão do funcionário é apenas vencer – ou terminar o dia – ele age da seguinte forma:

“A missão dele é chegar na empresa, bater o ponto, enrolar ou ganhar o dia da forma menos custosa possível e conseguir chegar na hora do almoço inteiro. Almoçar, dormir, enrolar e esperar a hora passar. Bater o ponto a tarde e ir para casa”

“O ideal é conseguir fazer isso durante todos os dias do mês. Uma vez que ele ganhou os dias – ele “trabalhou e mereceu” – agora é hora de receber. Essa na verdade é a parte mais importante e a que realmente o deixa feliz – ou quase. Chegar no final do mês e receber o suado salário.”

Ou seja, a missão pessoal do funcionário é enrolar o máximo que puder e ganhar o dinheiro com o menor esforço possível. “Nada de aprender, atender clientes e muito menos ajudar empresa que já é rica ganhar mais dinheiro.”

É esse tipo de missão – ganhar dinheiro fácil – que leva muitos funcionários a prestarem um péssimo atendimento ao cliente. A nunca tentar resolver os problemas. Nunca ser proativo e apresentar boas ideias para os superiores. Nunca discutir, debater ou tentar fazer nada que acrescente. Se a sua missão é apenas ganhar dinheiro sem esforço, isso muda todo o ambiente de trabalho, a sua relação com superiores, colegas e clientes, e a forma como os clientes, fornecedores e comunidade olham para a empresa da qual você faz parte.

A sua missão na empresa é o que ajuda a construir e determinar o sucesso e a imagem dela. E é o que dita o seu futuro e sucesso profissional.

Deixe seu Comentário

Comentário